sexta-feira, 14 de julho de 2017

3 jeitos criativos de economizar dinheiro!

Veja 3 jeitos criativos de economizar dinheiro!


Visitando uns sites em inglês, me deparei com um mostrando 5 jeitos criativos de economizar dinheiro. E alguns dos jeitos mostrados nesse site podem ser aplicados aqui! Será que você já aplica algum deles? Vamos conferir?


3 Jeitos Criativos de Economizar Dinheiro


Algumas formas que o site mostrou, como usar aplicativos, não me chamaram atenção. Acredito que precisamos criar um modelo mental, e aplicativos são para modelos já estabelecidos. Afinal, salvar uns trocados tem muito a ver com o nosso comportamento.

Por isso penso que o primeiro passo para quem quer economizar dinheiro, é "comprando" a ideia do quão bem isso o fará. Ou seja, a pessoa precisa "adotar" uma mentalidade poupadora. Soou estranho? Calma, você entenderá!

Vou tentar explicar o que disse acima pegando como exemplo minha mãe. Cara, já tentei de inúmeras formas convencê-la a gastar menos. Mostrei os benefícios que ela teria poupando pouco mês a mês. Infelizmente, ela não quis saber de "adotar" essa mentalidade.

E um jeito que mostrei a ela para economizar dinheiro, era o que chamo de enganar a si mesmo. O jeito funciona assim;

  • Com seus gastos devidamente anotados e seu padrão de vida estabelecido, que tal no próximo reajuste de salário você não o computar, você não o inserir em seus cálculos?

Eu uso essa estratégia ai. E é interessante que chega um ponto que você fica "assustado" ao ver uma grana a mais em sua conta bancária. Algumas vezes já me peguei pensando - De onde veio esse dinheiro?  


Loucura ou não, dá para economizar com essa dica ai!
Não, não estou maluco! 

Ao adotar essa estratégia, é legal que você deixa de elevar seu padrão de vida a cada reajuste de salário. Além de sempre contar com um extra para investir!



Economizar quando você "acha" que está economizando


Que jeito doido é esse Inglês?  Eu disse que são formas criativas de economizar dinheiro rsrs.  Bom esse aqui funciona desta forma;

  • Ao deixar de ir a um restaurante, e por consequência cozinhar em casa, você pensa que está economizando certo? De certa forma, está. Porém, se o dinheiro continuar com você, a economia não será de fato realizada. Afinal, o dinheiro do restaurante pode acabar sendo usado em outra coisa!  Que tal toda vez que economizar em uma saída, você pegar esse dinheiro e investir?

Então, se você está trocando os eventos por economia, assegure-se que o dinheiro economizado está indo para um investimento!

Economizar até quando você gasta!


Essa dica é legal para aqueles que sofrem com as "tentações" da compra. Afinal, toda vez que estiver pronto para comprar algo, você irá adicionar um valor extra para sua poupança!  Tipo, você acha que precisa (mas na verdade não precisa, só está louco porque está na promoção) de um tênis novo. E esse tênis custa R$200,00. Com essa dica, você irá adicionar R$100,00 a compra do tênis com destino a suas economias.

Ficou pesado os R$300 temers?  E você decidiu não comprar. OK, a dica te ajudou a não comprar e assim economizou dinheiro.  Não Inglês, eu realmente preciso do tênis e vou comprá-lo. Certo, você comprou o tênis e também comprou um ativo para você!  Legal não?

Aumente seus ativos com essa dica de economia! Faça seu dinheiro trabalhar para você!

Essa é a típica estratégia win-win. (ganha-ganha)  Você ganha ao não comprar, e ganha também comprando!


Posts Relacionados





See ya!

17 comentários:

  1. É verdade que você torce pro Grêmio? O time mais copeiro desse Brasil.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não vai falar pra ele ser jogador de futebol também ?

      Excluir
    2. ahhahahaha boa anon 15:33! E anon 15:21, não torço para o Grêmio não.

      Excluir
  2. Olá, sr. Inglês!

    Dicas boas, eu gosto de ficar no mesmo padrão que estava antes de reajustes, bônus e grana extra. Assim, o excedente vai para investimentos.

    Um abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá sra Jacque!

      Valeu! eu também curto ficar no mesmo patamar. Fica mais fácil aportar assim não?

      Abraços!

      Excluir
  3. Boas dicas Inglês. Eu trato meu aporte mensal como uma dívida. Caiu o vencimento, o valor a ser investido mensalmente "some" da conta. O interessante é que se sobra algo com essas economias, você pode fazer um aporte extra. Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Finansfera! Eu deixo um aporte minimo agendado. E conforme passa o mês, aporto mais!

      Abraço!

      Excluir
  4. Boa Inglês!
    São realmente criativas.

    Lembro que uma vez no fantástico, aquele economista famoso, não lembro o nome, disse que se você vai num supermercado e economiza em algo, e depois compra outra coisa (não prevista inicialmente) com o que economizou, é porque não economizou de fato.

    É como você disse, se economizou em determinada coisa, aplica logo. Se gastar, não fez economia nenhuma.

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá IO!

      Legal cara! E é fato, se economizar e o dinheiro não for para conta, acaba sendo uma falsa economia

      Abraço!

      Excluir
  5. Boas ideias Inglês, realmente muito interessantes.
    Muita gente economiza em algo e depois pega a grana pra comprar algo que não precisa kkkk

    Achei muito interessante o imposto sobre consumo, kkkk

    Abc

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá FPI! Valeu!

      O imposto sobre consumo é bem criativo mesmo kkk

      Abraço

      Excluir
  6. Olá II!

    De fato, é tudo uma questão de modelo mental! Quanto mais somos conscientes que assimilar bons hábitos são uma forma de construção desse modelo, mais o fortalecemos e teremos condições de colher seus benefícios.

    Eu acredito que todas as demais táticas estão inclusas nesse conceito. Não deixar dinheiro parado é um dos tijolinhos desse modelo mental. Assim como equilibrar o consumo com o investimento.

    Não sei se daria para sermos tão "regrados" quanto aos exemplos que citou. Para mim, funciona mais internalizar bem os princípios e naturalmente, a daí o próprio hábito faz sua parte.

    Para exemplificar, é bem possível que eu não invista R$100,00 um dia após eu comprar o tênis de R$200,00. Mas como o investimento está na raiz de um hábito, isso ocorre naturalmente.

    Reconheço entretanto, que, para pessoas que não possuem ainda o hábito, as atitudes são necessárias para sua formação.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá André!

      A dica de forçar um investimento ao comprar algo é bem doida mesmo rsrs. Mas como você falou, é uma atitude legal para quem busca criar o hábito

      Abraço!

      Excluir
  7. Comecei mais ou menos assim. Hoje tenho um apartamento não porque eu quis comprar pra investir mas sim porque um amigo corretor me apresentou um apartamento e a prestação era exatamente o valor do aumento que eu ia ganhar no próximo mês. Neste caso pensei: vou pagar esse apartamento como se não tivesse aumento e pronto!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Interessante! B.P.M O aumento serviu para você aumentar seu patrimônio e não para aumentar o padrão de vida!

      Excluir
  8. Gostei da primeira dica, eu ainda não havia pensado dessa forma.

    Abraços,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Rosana obrigado pela visita!

      Eu a adoto há um tempo sabe. Gosto bastante dela. Afinal, nos força a manter um padrão de vida..

      Abraço!

      Excluir